Início SOCIEDADE Desertor das FADM em Cabo Delgado detido na província de Maputo

Desertor das FADM em Cabo Delgado detido na província de Maputo

559
0
COMPARTILHE

Uma gang composta por cinco indivíduos, um deles identificado por R. Banze, desertor das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM), que estava afecto ao teatro operacional norte, foi detida pela Polícia da República de Moçambique (PRM), no distrito da Manhiça, província de Maputo, por prática de crime com recurso à arma de fogo, conforme avançou o Comando-geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), em comunicado de imprensa emitido esta quarta-feira.

 

De acordo com a nota, a operação ocorreu em coordenação com o Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC), tendo culminado também com a apreensão de uma arma de fogo do tipo AK-47, nº 1141, dois carregadores contendo 43 munições, uma viatura de marca Toyota Hiace, com a matrícula MLW-31-93, uma motorizada, uma impressora e diversos produtos alimentares.

 

Segundo a PRM, o “desertor” das FADM, em particular do famoso teatro operacional norte, fazia-se acompanhar por B. Muchanga, L. Adinane, A. Satar e A. Matlava, com idades compreendidas entre os 21 e 32 anos de idade.

 

No comunicado desta semana, a PRM refere que, no passado dia 03 de Julho, no bairro do Xipamanine, na Cidade de Maputo, foram apreendidas duas armas de fogo do tipo pistola com os números 000673 e 0311, um frasco contendo esferas abandonadas por indivíduos não identificados que, supostamente, se terão escapulido, quando se aperceberam da presença da Polícia.

 

No mesmo documento, a PRM afirma que, no dia 27 de Junho, no bairro Dalucuene, distrito de Manhiça, foi apreendida uma arma de fogo do tipo pistola, marca sigpro, nº SP2022 e um carregador sem munições também abandonado. Já na Matola foram detidos dois seguranças de uma empresa privada por alegadamente terem roubado 105 mil meticais.

 

Em Marrupa, província do Niassa, foi detido um tanzaniano, de nome M. Curassi, de 40 anos de idade e um moçambicano de nome A. Joaquim, de 46 anos de idade, por posse ilegal de armas. Na ocasião, refere o documento, foi apreendida uma AK-47, nº 1358, contendo três munições no carregador. A PRM diz que foram detidos em todo o território nacional 622 indivíduos, sendo 450 por violação de fronteiras e os restantes por delitos comuns.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here